A crise dos trinta ou O que aconteceu com os nossos sonhos?

Talvez não sejamos uma geração tão incrível assim… Não sei se somos X, Y ou Z, millenials ou hipsters, empreendedores natos ou preguiçosos patológicos. O que eu sei é que estamos tentando ser felizes, como todos os outros… E, como todos os outros, em algum momento erramos feio.

Continuar lendo “A crise dos trinta ou O que aconteceu com os nossos sonhos?”