Estreias do fim de semana (25/06 a 27/06)

MANHÃS DE SETEMBRO | Amazon Prime Video

Com cinco episódios curtinhos, a nova série brasileira traz a cantora e atriz Liniker no papel de Cassandra, uma mulher que finalmente está se aproximando do sucesso que sempre sonhou na música, até descobrir que tem um filho, de um antigo relacionamento com outra mulher (Karine Telles).


SOLOS | Amazon Prime Video

Inspirada no isolamento deste último ano de pandemia, a antologia traz sete partes, cada uma explorando a vida isolada de um ou dois personagens – todos em histórias fantásticas ou com algum elemento estranho. No elenco, estão Morgan Freeman, Anne Hathaway, Helen Mirren,  Uzo Aduba, Nicole Beharie, Anthony Mackie, Dan Stevens e Constance Wu. 


Os melhores anos de uma vida | Nos cinemas

O diretor francês Claude Lelouch retorna à história de Jean-louis Duroc (Jean-Louis Trintignant) e Anne Gauthier (Anouk Aimée), que explorou nos filmes “Um homem, uma mulher”, de 1966, e “1986, um homem, uma mulher”, de vinte anos depois. Agora, o casal se reencontra depois de 50 anos do início de um romance que nunca decolou e relembra aqueles tempos de juventude e amor.


Noites de Alface | Nos cinemas

Com Marieta Severo e Everaldo Pontes, o filme acompanha a rotina pacata de um casal que vive numa cidadezinha sem novidades – isso, até que o carteiro desaparece. Intrigado, o marido, que sofre de insônia, passa a ocupar as madrugadas com o mistério, ora observando a janela, ora lendo um livro de suspense, tudo regado a muito chá de alface.


As pequenas margaridas | Cinema #EmCasaComSesc

No quase proibido longa tcheco de 1966, (não tão longo, de apenas 73 minutos), Vera Chytilová comanda a história de duas adolescentes de mesmo nome que, percebendo que o mundo é injusto e corrompido, embarcam numa rotina autodestrutiva de excessos e brincadeiras maliciosas. Disponível gratuitamente por 30 dias na plataforma digital do Sesc.


Caramelo | Cinema #EmCasaComSesc

Da talentosíssima diretora libanesa de “Cafarnaum”, Nadine Labaki, “Caramelo” (2007) faz um retrato feminino e bem-humorado de Beirute, pelo olhar de cinco mulheres que se encontram regularmente num salão de beleza. Amores não-correspondidos, proibidos, problemas familiares, reflexões sobre beleza, idade, sexo, maternidade – tudo se desenrola em meio a tesouras, esmaltes e cremes depilatórios. Disponível gratuitamente por 30 dias na plataforma digital do Sesc.


O que eu mais desejo | Reserva Imovision

Nesta semana, entram para o catálogo do Reserva SETE filmes do diretor japonês Hirokazu Koreeda (um dos meus favoritos na vida). Entre eles, está o drama de 2011 “O que eu mais desejo” – um filme com um olhar infantil e lúdico sobre a separação. Nele, dois irmãos ouvem um boato de que o cruzamento entre dois trens-bala, que irá acontecer em breve, poderá realizar um desejo, e decidem embarcar nessa aventura na tentativa de reunir os pais.


Fogo e paixão | Belas Artes à la Carte

“Experimental” é a palavra para descrever o longa brasileiro de 1989, dirigido pelos arquitetos  Isay Weinfeld e Marcio Kogan. Guiados pela estética das construções e pelo surrealismo das cenas, eles narram a história de duas jovens (Mira Haar e Cristina Muratelli) que participam de uma excursão por uma cidade turística não nomeada (que os espectadores reconhecerão como sendo São Paulo), e se envolvem com um nobre e outros personagens inesperados. Com Fernanda Montenegro, Rita Lee, Nair Belo, Fernanda Torres, Regina Casé, Paulo Autran e outros.


Amor por direito | Looke

Elliot Page e Julianne Moore interpretam um casal neste drama de 2015 sobre uma policial que é diagnosticada com uma doença terminal. Antes que seu tempo acabe, ela decide lutar para que sua parceira receba os benefícios da pensão, garantida pela polícia aos cônjuges. Porém, as autoridades relutam em reconhecer o relacionamento das duas.


Love Sonia | Aluguel digital

O drama indiano, que entra nas plataformas Now, Looke, Vivo Play, Google Play, Microsoft e ITunes, acompanha uma jovem que decide procurar sua irmã, vendida pelo pai para pagar dívidas, e acaba envolvida, ela mesma, numa rede de comércio sexual. Com Demi Moore e Freida Pinto.


UCRÂNIA NÃO É UM BORDEL | Filme Filme

O documentário australiano dirigido por Kitty Green faz um retrato aproximado do grupo feminista ucraniano Femen, que luta pelos direitos das mulheres desde 2008 usando os próprios corpos, nus e pintados com mensagens de libertação – um método de protesto que já lhes rendeu reações violentas e opressivas, mas também ganhou a atenção da imprensa internacional.

Estreias do fim de semana (11-13/06)

Procurando o que assistir no fim de semana, sem sair de casa? Então dê uma olhada nesta lista incrível: entre as estreias nos diversos serviços de streaming, temos Tom Hanks e Ridley Scott no início de carreira, uma série amada pelo público retornando para a segunda temporada, filmes de figurões como Almodóvar e Xavier Dolan, o fenômeno indie “First Cow” e muito mais:


LUPIN (Parte 2) | Netflix

A segunda parte da série francesa chega para matar a curiosidade dos fãs. Omar Sy interpreta um homem que se inspira no ladrão da literatura Arsène Lupin (o “Ladrão de casaca”) para realizar roubos e trapaças elaborados, mas, por trás de todo esse espetáculo, ele tem uma questão importante e pessoal para resolver.


LABIRINTO DE EMOÇÕES | NetMovies

Prepare-se para ver Tom Hanks bem novinho no segundo longa-metragem da carreira, que estreia agora no NetMovies (de graça, com anúncios). O filme traz um grupo de amigos que decidem jogar uma partida de RPG dentro de uma caverna lendária, e mergulham de cabeça na fantasia.


DOR E GLÓRIA | Amazon Prime Video

O longa mais recente de Pedro Almodóvar, lançado em 2019, chega à Amazon Prime Video no dia 12. Antonio Banderas, seu parceiro habitual, interpreta uma espécie de alter-ego do diretor nesta história sobre um cineasta que reflete sobre as escolhas e caminhos que tomou na vida.


A LENDA | Belas Artes à la Carte

Clássico cult de 1985, escrito por  William Hjotsberg e dirigido por Ridley Scott, “A Lenda” traz Tom Cruise numa fábula de terror e fantasia envolvendo um unicórnio, uma donzela e um demônio que quer transformar o mundo em trevas.


LUA DE JÚPITER | Reserva Imovision

Do mesmo diretor de “Pieces of a Woman”, Kornel Mundruczó, “Lua de Júpiter” adora um tom mais poético para falar sobre um refugiado sírio que tenta entrar na Hungria, junto com seu pai e outros conterrâneos. 


O OUTRO LADO DA ESPERANÇA | Reserva Imovision

Ainda no tema da imigração, o longa de Aki Kaurismäki acompanha o dono de um restaurante finlandês que se aproxima de um grupo de refugiados recém-chegados, num misto de drama e comédia. O filme ganhou o Urso de Prata no festival de Berlim em 2017.


SHIVA BABY | Mubi

O longa de estreia de Emma Seligman acompanha, com humor e sarcasmo, uma estudante universitária judia e bissexual durante um único dia, quando ela precisa encarar as obrigações sociais de um funeral. 


MOMMY | Cinema #EmCasaComSesc

Vencedor do prêmio do júri em Cannes e do prêmio de melhor filme estrangeiro no César, o canadense “Mommy”, de Xavier Dolan, é um soco delicado no estômago. Os protagonistas são um adolescente agressivo e obsessivo e sua mãe solteira, com quem tem uma relação complicada.


UM POMBO POUSOU NUM GALHO REFLETINDO SOBRE A EXISTÊNCIA | Cinema #EmCasaComSesc

Inesquecível ao menos pelo título peculiar, o longa de Roy Andersson foi o vencedor do Leão de Ouro em 2014 e conta uma série de histórias vagamente conectadas por um par de vendedores, que percorrem diferentes ambientes revelando o absurdo da condição humana num misto de realidade e fantasia.


O VERÃO DE SANGAILE | Filme Filme

Neste romance lituânio que representou o país no Oscar de 2016, uma jovem fascinada por aviões conhece uma garota de sua idade durante uma apresentação de acrobacias aéreas, e as duas se aproximam pouco a pouco. O filme se destaca pelas composições visuais da diretora Alante Kavaite.


FIRST COW | Aluguel Itunes, Google Play e Now

Pequeno fenômeno de crítica, “First Cow” é um longa de Kelly Reichardt de 2019, indicado ao Urso de Ouro e ao Independent Spirit Awards. No centro, está um cozinheiro que viaja para o Oeste americano em 1820 e se une a um grupo de comerciantes de pele, até conhecer um imigrante chinês com quem decide abrir um negócio gastronômico.


O SEQUESTRO DE DANIEL RYE| Aluguel Itunes, Google Play, Now, Vivo Play e Sky

O filme, que é uma coprodução entre Dinamarca, Noruega e Suécia, conta a história real de um fotógrafo dinamarquês capturado pelo grupo ISIS durante um trabalho na Síria, em 2013, e mantido refém por 398 dias.